Compliance em RH: o que é e qual sua importância? Entenda aqui

4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

A tradução do termo compliance, em português, significa conformidade ou cumprimento. Assim, no mundo corporativo, compliance em RH diz respeito à necessidade de agir conforme o regimento interno da empresa, tanto por parte de colaboradores, quanto por parte de gestores e proprietários.

Em suma, compliance nada mais é do que ter ações corretas, respeitosas e éticas, conceito que ganhou força após as leis anticorrupção e acessibilidade. As organizações passaram a entender que nenhuma prática ilícita, por menor que seja, deve ser tolerada, bem como qualquer tipo de assédio ou preconceito que constranjam o funcionário em seu ambiente de trabalho, especialmente com aqueles pertencentes a algum tipo de minoria, como as pessoas com deficiência.

Por isso, resolvemos elaborar este artigo explicando todos os conceitos de compliance e como ele pode auxiliar o setor de RH a implementar ações de inclusão.

Acompanhe!

Como o RH pode fortalecer o compliance?

O departamento de recursos humanos de uma empresa é, certamente, o que mais tem responsabilidade acerca da aplicação das normas de compliance, já que é ele quem cuida das contratações, desligamentos de funcionários, estabelecimento de condutas internas, promoções etc.

Dentre as práticas que podem ser adotadas pelo RH, estão:

  • contratação de funcionários íntegros: é importante que o RH busque por antecedentes criminais e por referência de outras empresas. Além disso, há testes que podem ser aplicados que darão uma noção sobre a personalidade e caráter do candidato;
  • fiscalização do cumprimento do regimento interno: o RH deve ficar de olho em qualquer violação das políticas de conduta da empresa, devendo aplicar as penalidades pertinentes a cada caso;
  • criação de um canal de denúncia: para que a fiscalização seja mais efetiva, é importante desenvolver um canal de denúncias (e garantir o anonimato do denunciante). Assim, os colaboradores sentirão também que são responsáveis pela manutenção das normas de compliance, além de promover maior transparência e confiabilidade;
  • realização de auditorias ao fazer promoções: é fundamental fazer um bom monitoramento das promoções de funcionários para que se evite injustiças e favorecimento indevidos.

Quais são as políticas de compliance que podem favorecer ações de inclusão?

Há inúmeras iniciativas de Inclusão de PDC (Pessoa com deficiência) que podem ser adotadas como normas de compliance das empresas. É possível, por exemplo, organizar palestras de sensibilização sobre pessoas com deficiência.

Assim, o departamento de Recursos Humanos poderá incluir nas políticas de compliance a organização de conferências periódicas que ensinem aos demais funcionários a se comunicarem adequadamente com um uma pessoa com deficiência.

No caso dos surdos, seria bom mas talvez não seja viável à empresa oferecer um curso de Libras aos funcionários em pleno horário de trabalho, mas existem outras técnicas para facilitar a comunicação e a convivência de surdos e não surdos no ambiente laboral.

É possível, por exemplo, contratar uma empresa profissional, que pode disponibilizar intérpretes de Libras por videoconferência para intermediar o diálogo entre surdos e ouvintes.

Pode também contratar profissional que ensinará os colaboradores, entre outras coisas a:

  • deixar suas bocas visíveis ao estabelecer qualquer diálogo com o surdo;
  • tocar com delicadeza o deficiente ao iniciar uma conversa de modo que ele consiga identificar que a conversa é com ele;
  • não utilizar nenhum tom de voz diferente do usual;
  • ser expressivo;
  • não passar na frente de dois funcionários que estão se comunicando por Libras;
  • manter sempre contato visual com o surdo.

Essas ações simples significam muito para a pessoas com deficiência, que se sentirá incluído e muito mais motivado para produzir mais e melhor!

E então, gostou de saber qual é a importância do compliance em RH? Deixe um comentário nos contando a sua experiência com o assunto, a gente vai adorar saber!

Posts relacionados

Deixe um comentário