Entenda como implementar uma política de comunicação inclusiva na sua empresa

4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

A questão da política de comunicação inclusiva vem sendo debatida com mais frequência, nos últimos anos. Mas desde a implementação da Lei de Cotas para Pessoas com Deficiências (PCD) nas empresas, muitos gestores têm encontrado dificuldades em saber como promover de forma adequada as políticas de acessibilidade em sua organização, inclusive em como deve ser feita a comunicação acessível.

E é sobre como implementar a comunicação inclusiva na sua empresa que falaremos neste artigo, procurando te ajudar a entender um pouco mais sobre o tema e como ela pode ser incorporada com sucesso em seus negócios, acompanhe!

A importância da comunicação inclusiva

Imagina chegar em um ambiente de trabalho e não entender nada do que é dito, ficar perdido diante das instruções e não ter condições de se comunicar adequadamente com seus chefes, subordinados ou colegas de trabalho.

Esse é o panorama que os surdos encontram quando a sua comunicação se dá exclusivamente através de Libras e a empresa não está preparada para incluí-los em suas atividades.

Investir em comunicação inclusiva, além de promover a igualdade, traz várias vantagens para o seu negócio:

  • aumento da produtividade;
  • melhor atendimento ao cliente;
  • mais atração e retenção de talentos;
  • aumento da competitividade empresarial;
  • formação de equipes mais criativas e diversas;
  • geração de consciência organizacional.

Assim, a sua empresa tem muito a ganhar ao promover a comunicação inclusiva, cuja implementação pode ser feita com os seguintes passos.

Desenvolva uma Política de Comunicação Inclusiva

Em primeiro lugar, é importante desenvolver uma Política de Comunicação Inclusiva em sua organização, detectando quais são as necessidades (textos em Braile, intérpretes de Libras, adaptações físicas e tecnológicas, etc.). Ao ter tudo documentado e detalhado, ficará mais fácil buscar soluções que ajudem o colaborador PCD a se sentir incluído no ambiente de trabalho.

Combata as barreiras de comunicação

As barreiras de comunicação são uma das coisas que mais atrapalham o desempenho dos profissionais surdos no ambiente de trabalho e, ao promover a comunicação inclusiva, é importante saber quais são elas e como combatê-las.

Essas barreiras podem ser dividias em duas:

  • atitudinais: preconceitos conscientes ou inconscientes sobre a capacidade do colaborador com deficiência;
  • físicas: obstáculos visuais que, no caso dos surdos, impedem a leitura labial ou a visualização dos sinais na comunicação em Libras.

Invista em ferramentas de comunicação inclusiva

Uma forma de promover a comunicação inclusiva é através de ferramentas de comunicação interna que podem ser desenvolvidas de forma a incluir todas as necessidades, como o uso de newsletter e boletins em versões físicas (em texto e em Braile) ou online.

Faça uso de intérprete de sinais

É importante que o colaborador surdo se sinta integrado às rotinas de comunicação da sua empresa e, por isso, ele precisa entender o que está sendo dito, tanto em conversas diretas quando em reuniões e palestras. E, se for no momento de acolher o cliente surdo para oferecer produtos e serviços, o uso de intérpretes de sinais pode ser essencial. A boa notícia é que todo esse processo pode ser feito online!

Use legenda

Nem todas as pessoas com dificuldades de ouvir fazem uso de Libras, como é o caso dos deficientes auditivos, que se valem da comunicação verbal no dia a dia, mas ainda encontram dificuldades na hora de receber mensagens, acompanhar reuniões e assistir palestras.

Para esse público, o uso de legendas também pode contribuir para promover uma comunicação inclusiva. Por exemplo, você conta com um canal de vídeos internos e ele até conta com intérprete de sinais, porém, nem todos deficientes auditivos têm familiaridade com a Libras. Com o uso de legendas você aumenta o alcance da mensagem, permitindo que o colaborador consiga entender o que é dito.

Use a tecnologia a seu favor

Também é possível usar a tecnologia a seu favor na hora de promover a comunicação inclusiva no seu ambiente de trabalho, substituindo o uso de papel comum por tablets com sistema de voz para cegos e utilizar plataformas de intérpretes para surdos. Um exemplo dessas plataformas é a SignumWeb, um software responsivo, adequado a diversos dispositivos e fácil de usar, ajudando a promover uma comunicação natural.

Gostou do conteúdo? Para ter acesso a mais conteúdos exclusivos sobre o tema, siga a SignumWeb nas redes sociais! Estamos no Facebook, Instagram, YouTube e LinkedIn.

Posts relacionados

Deixe um comentário